Software Malicioso no Google ADS

Author: Afiliaze 1151 views

Se você subir uma campanha e o Google ADS dar uma mensagem acusando software malicioso e/ou acusar a presença de vírus, não se preocupe, não há como ter qualquer tipo de vírus nos nossos servidores.

Essa mensagem geralmente não é devido ao uso da plataforma Afiliaze, ela pode ocorrer mesmo que você não use a Afiliaze, ou seja, use direto seu link de afiliado, camufladores, wordpress ou qualquer outro método existente no mercado.

Nesse tutorial vamos te instruir sobre o que fazer em casos como esse.

1º PassoUtilizar um domínio próprio

Os domínios fornecidos de graça pela Afiliaze são utilizados por centenas de usuários, que podem não seguir as políticas do Google ADS. Se você ainda não utiliza seu próprio domínio, comece a utilizar, somente este passo já pode resolver seu problema.

Se o 1º passo não resolveu, prossiga…

2º PassoCogite a possibilidade de remover outras páginas existentes no seu domínio.

Se você possui outras páginas clonadas no mesmo domínio e alguma delas possuir algum script malicioso, o Google ADS poderá rastrear isso e rejeitar seu anúncio, cogite remover as outras páginas. Se você não puder fazer isso, pule para o 3º passo.

3º Passo – Troque de domínio

Se você já utiliza esse domínio a um longo tempo em alguma hospedagem, e em algum momento, houve alguma infecção por algum tipo de vírus e/ou arquivo malicioso, o Google ADS poderá estar penalizando o seu domínio devido ao histórico.

Além disso, algumas páginas de produtos das plataformas de afiliados estão sendo acusadas como software malicioso, e como a Afiliaze apenas realiza a clonagem dessas páginas, havendo algum script malicioso na página, ele também será clonado.

Portanto o Google ADS poderá penalizar duramente o seu domínio se já houve alguma ocorrência de software malicioso no passado, e passar a rejeitar vários anúncios que utilizem o seu domínio devido a este histórico, mesmo que você esteja tentando diversos anúncios para páginas totalmente diferentes, sem relação entre si, então nesse caso, troque de domínio.

Se o 3º passo não resolveu, prossiga…

4º Passo: Origem do problema

Se você fez tudo isso e seu anúncio ainda não está sendo aprovado, então talvez a página que você clonou possui algum script malicioso. E nessa etapa vamos testar isso.

4.1 Crie uma campanha no Google ADS igual a sua campanha que foi reprovada, no entanto, cole o link direto da página de vendas do produtor, e não o seu link. Assim faremos um teste, aguarde o período de análise e veja se agora o anúncio foi aprovado ou rejeitado.

4.2 Se o teste que fizemos no item 5.1 passo foi reprovado, ou seja, com o link direto para a página do produtor o anúncio também foi reprovado, isso quer dizer que o problema é em algum script da página do produtor e não no seu domínio e estrutura. Se existe algum script malicioso na página do produtor, ao realizar a clonagem da página inevitavelmente o script será copiado, pois trata-se de uma clonagem.

O que fazer nesse caso?

4.2.1 – Você pode ter êxito utilizando uma página de Pressel. Utilize um novo domínio, que nunca foi rejeitado antes no Google ADS, clone a página normalmente e crie uma página de Pressel na Afiiliaze, na aba avançado da sua página de pressel marque a opção “Ativar Camuflagem Javascript” e, utilize o link da página de Pressel no Google ADS ao invés do link direto para a página clonada.

4.3 Se o teste que fizemos no 4.1 passo foi aprovado, ou seja, com o link direto para a página do produtor o anúncio aprovado, então quer dizer que o problema está na sua estrutura / domínio.

O que fazer nesse caso?

4.3.1 – Essa é a primeira vez que esse domínio recebe uma rejeição por software malicioso?

Sim: Desabilite a marcação de cookie da Afiliaze, coloque apenas os links de checkout, troque de domínio e tente submeter novamente a campanha.

Não: Troque de domínio, e submeta novamente a campanha, pois o Google ADS provavelmente está penalizando o domínio devido ao seu histórico.

Se nada disso resolveu, entre em contato com nosso suporte, mas é essencial executar esses passos antes.

Tags:

  • software malicioso
  • google ads
  • vírus
  • malware